XXXI Jornada da Juventude na ilha Terceira | AzoresTV by VITEC - canal regional com produções dos Açores, vídeos HD e diretos dos melhores eventos da região.

Jornada de oração começa com vigília no dia 19 de março, nos Altares.

jornada, mundial, juventude, ilha, terceira, diocese, angra

XXXI Jornada da Juventude na ilha Terceira

Publicado por: Vitec
2016/03/08 01:40:43

O Grupo de jovens “Os Mensageiros”, da Vila das Lajes, da zona pastoral do Ramo Grande, é o grande vencedor do concurso promovido pelo Serviço da Pastoral Juvenil da ilha Terceira para a XXXI Jornada da Juventude, que se celebra nos dias 19 e 20 de março.

De acordo com informações obtidas pelo Sítio Igreja Açores, este grupo- um dos 30 da ilha Terceira- desenhou e concebeu o cartaz vencedor bem como a capa do facebook deste serviço.

 

O Cartaz inspira-se numa das 8 bem-aventuranças- “Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia” (Mt 5,7).

“Ao estudarmos esta Bem-aventurança podemos ver que a Palavra de Deus ensina-nos que a «felicidade está mais em dar do que em receber» (Act 20, 35). Sabemos que o Senhor nos amou primeiro, mas só seremos verdadeiramente bem-aventurados, felizes, se entrarmos na lógica divina do dom, do amor gratuito; se descobrirmos que Deus nos amou infinitamente para nos tornar capazes de amar como Ele nos amou” refere uma nota do Grupo de jovens vencedor a que o Sítio Igreja Açores teve acesso.

Os jovens lembram que este ano em que toda a diocese é instada a ser “misericordiosa como o Pai”, é preciso, “não julgarmos e não condenarmos os nossos irmãos, mas sim que lhes perdoemos e que lhes entreguemos amor sem medida”.

“A verdadeira misericórdia é gratuita. Vence o mal com o bem. Atrai, não esmaga e não domina. Nunca desiste. Tudo suporta e espera. Na misericórdia está sempre incluído o perdão”, precisam ainda os jovens.

O Cartaz apresenta um feixe de luz com o logotipo do Ano Santo da Misericórdia,  que representa a abertura do Jubileu, bem com a abertura das Portas Santas pelas dioceses de todo o mundo.

“Pretende também representar uma Igreja de portas abertas, pronta a acolher e acompanhar todos que a ela se dirigem”, explicam os jovens.

Por seu lado, a imagem geral do cartaz representa o momento em que colocaram diante de Jesus uma mulher adúltera que, de acordo com a Lei, tinha cometido uma falta que merecia a morte.

Tal como Jesus não só não condenou a mulher mas convidou-a a percorrer outro caminho, levando os outros (fariseus) a consciencializarem-se de que também eles eram pecadores,  “É preciso reconhecer, com humildade e simplicidade, que necessitamos todos da ajuda do amor e da misericórdia de Deus para chegar à vida plena do Homem Novo”, referem.

“A única atitude que faz sentido, neste esquema, é assumir para com os nossos irmãos a tolerância e a misericórdia que Deus tem para com todos os homens”, acrescentam os jovens mostrando a catequese que há no cartaz.

“Esta mulher adúltera representa todos nós. Jesus ao aliviar o seu sofrimento alivia também o nosso sofrimento. Devemos aprender com Jesus a ser misericordiosos com a pessoa ferida, quer fisicamente como espiritualmente”, afirmam.

 

No cartaz, vê-se por outro lado, Jesus a escrever na areia.

“A areia representa cada um de nós. Somos um grão de areia nas mãos do Senhor. Jesus ao escrever na areia está a escrever a nossa história” referem ainda os jovens.

 

A XXXI Jornada Mundial da Juventude, nos dias 19 e 20 de Março, começa com uma Vigília de Oração, na Paróquia dos Altares, e o dia mundial da Juventude será comemorado em S. Mateus, ambos os momentos serão inspirados no Ano jubilar: “Felizes os misericordiosos porque alcançarão misericórdia”.

 

O programa celebrativo começa às 21h00 do dia 19 de março, com a vigília nos Altares e no dia 20 a festa prossegue em São Mateus. Às 9h00 concentração dos grupos no Porto de Pescas de S. Mateus; 10h15 Procissão de Ramos e 11h00 Eucaristia na Igreja Paroquial de S. Mateus. Nessa altura, cada grupo de jovens entregará o seu Ramalhete Espiritual no momento do ofertório. A jornada prossegue com um almoço partilhado e, da parte da tarde, serão desenvolvidas várias atividades e jogos.

Recorde-se que destes vários ramalhetes espirituais será feito um único ramalhete que será posteriormente enviado ao Papa Francisco.

 

Texto/ Igreja Açores/VITEC

Imagens de notícias

Tags:

Partilhar

Powered by WebTV Solutions