Nos Açores: DUARTE FREITAS DEFENDE DESCIDA DE IMPOSTOS | VITEC AzoresTV.com - canal regional com produções dos Açores, vídeos HD e diretos dos melhores eventos da região.

O presidente do PSD/Açores defendeu a “redução dos impostos cobrados aos açorianos” e manifestou-se “confiante” de que será possível “proceder à reposição do diferencial fiscal nos Açores nos termos em que ele era aplicado antes do pedido de assistênci...

psd, açores, duarte, freitas, impostos, descida, troika, portugal

Nos Açores: DUARTE FREITAS DEFENDE DESCIDA DE IMPOSTOS

Publicado por: Vitec
2014/10/24 21:04:13

O presidente do PSD/Açores defendeu a “redução dos impostos cobrados aos açorianos” e manifestou-se “confiante” de que será possível “proceder à reposição do diferencial fiscal nos Açores nos termos em que ele era aplicado antes do pedido de assistência financeira internacional feito por Portugal”.

Duarte Freitas, que falava numa conferência de imprensa, defendeu que “menos impostos significam mais dinheiro para os açorianos e para as empresas dos Açores” pelo que “a reposição do diferencial fiscal é uma medida que deve avançar com urgência, permitindo que as famílias açorianas recuperem rendimentos e fiquem mais bem preparadas para enfrentar a crise que se vive na nossa Região”.

O presidente do PSD/Açores lembrou que a reposição do diferencial fiscal “permitirá devolver aos açorianos cerca de 50 milhões de euros anualmente, o que dá bem conta do impacto muito positivo que a reposição do diferencial terá na economia das famílias e na economia dos Açores”.

Duarte Freitas disse, por isso, “lamentar que a descida de impostos nos Açores, continue a não ser uma prioridade para o governo regional, que não a colocou na agenda de assuntos que pretende abordar com o Primeiro-ministro durante a sua visita oficial aos Açores. Ou seja, este é um assunto que, infelizmente, nunca foi, verdadeiramente, do interesse do governo regional”.

Para o presidente do PSD/Açores, “a reposição do diferencial fiscal é a medida mais importante que pode ser tomada pelo governo da República para ajudar os açorianos e as empresas dos Açores”.

“Nunca desistimos dessa pretensão. Não desistimos aqui na Região e não desistimos quando, no início deste ano, o defendemos no congresso nacional do PSD”, assegurou.

“Passado o período de aplicação do memorando da Troika, este é o momento para decidir reduzir os impostos dos açorianos. Acreditamos que vamos conseguir e tenho esperanças que o Primeiro-ministro de Portugal responda de forma positiva a esta pretensão dos açorianos”, concluiu.

Imagens de notícias

Tags:

Partilhar

Powered by WebTV Solutions