Consideram TSD/Açores: COMBATE AO DESEMPREGO CONTINUA A FRACASSAR NOS AÇORES | VITEC - canal regional com produções dos Açores, vídeos HD e diretos dos melhores eventos da região.

Os TSD/Açores consideraram hoje que o combate ao desemprego “continua a fracassar” no arquipélago, dado que os Açores continuam a ser a região do país com a taxa de desemprego mais elevada.

tsd, açores, emprego, desemprego, ine, país

Consideram TSD/Açores: COMBATE AO DESEMPREGO CONTINUA A FRACASSAR NOS AÇORES

Publicado por: Vitec
2014/11/05 14:49:45
Os TSD/Açores consideraram hoje que o combate ao desemprego “continua a fracassar” no arquipélago, dado que os Açores continuam a ser a região do país com a taxa de desemprego mais elevada.
 
“Infelizmente, os Açores continuam a ser a região de Portugal com maior taxa de desemprego, com 2,6 pontos percentuais acima da média nacional e sensivelmente o mesmo valor acima do desemprego registado na Madeira”, afirmou o secretariado regional dos TSD/Açores, após a divulgação pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) dos valores da taxa de desemprego no terceiro trimestre deste ano.
 
 
Segundo os dados divulgados hoje pelo INE, os Açores continuam a registar a maior taxa de desemprego em Portugal, com 15,7 por cento, enquanto que a nível nacional a taxa de desemprego desceu para 13,1 por cento.
 
“Contrariando a tendência do país, nos Açores o desemprego jovem cresceu no último trimestre, infligindo um duro golpe na esperança dos mais novos e qualificados ativos da Região, além de se verificar ainda um crescimento do desemprego feminino”, referiram os TSD/Açores.
 
 
Para esta estrutura autónoma do PSD/Açores, esta situação demonstra que, “apesar dos anúncios de programas e mais programas feitos pelo governo regional, a estratégia para combater o desemprego continua a não ser eficiente”.
 
“A divergência dos Açores em relação ao país põe em evidência a falência das políticas regionais de criação de emprego e incentivo à competitividade. Esta é a marca indelével da governação socialista”, salientaram.
 
Os TSD/Açores acrescentaram que, de acordo com os números revelados pelo INE, “mais de 19 mil açorianos estão privados de rendimentos do trabalho para fazer face a uma vida condigna, cerca de cinco mil estão envolvidos em programa ocupacionais para desempregados” e nos últimos três anos “foram extintos nas nossas ilhas 5.152 postos de trabalho”.

Imagens de notícias

Tags:

Partilhar

Powered by WebTV Solutions