Candidaturas abertas a apoios a agricultores devido à tempestade Lola nos Açores

Publicado por: VITEC4
2022/01/11 13:48:33
Visualizações: 516
Foto/GACS
Foto/GACS

As candidaturas ao apoio extraordinário atribuído pelo Governo dos Açores para compensar os prejuízos agrícolas causadas pela tempestade Lola, em 2021, já abriram, revelou ontem o secretário regional da Agricultura e Desenvolvimento Rural.

 

“Os produtores podem-se candidatar e depois irão receber a devida compensação por perda de rendimento”, adiantou o titular da pasta da Agricultura nos Açores, António Ventura, à margem de uma reunião com a Adega Cooperativa dos Biscoitos, na ilha Terceira.

 

A vitivinicultura foi uma das produções mais afetadas pela tempestade Lola, com as cooperativas das diferentes ilhas a contabilizarem prejuízos significativos nas vindimas de 2021.

 

Uma semana depois da passagem da tempestade pelo arquipélago, o secretário regional da Agricultura comprometeu-se a compensar os produtores pelos estragos provocados, mas só segunda-feira foram abertas as candidaturas.

 

“Não pudemos abrir mais cedo, porque era necessária a declaração de colheita, para verificarmos, com responsabilidade, o que foi a colheita de [2020] e a colheita de 2021 e verificar as quebras de rendimento”, explicou António Ventura.

 

Segundo uma portaria publicada, no dia 06, em Jornal Oficial, “o apoio financeiro a conceder corresponde a um montante de 75% dos danos verificados na produção das culturas e no potencial produtivo”.

 

Em causa estão prejuízos, sobretudo em culturas hortofrutícolas e vitícolas, causados pela depressão Lola, nos dias 22 e 23 de abril de 2021, nas ilhas Graciosa, São Jorge, Pico, Terceira e São Miguel, mas também prejuízos causados pela forte precipitação que afetou o concelho da Povoação, na ilha de São Miguel, no dia 25 de junho de 2021, em particular na cultura do milho forrageiro.

 

Para beneficiarem deste apoio, os produtores agrícolas devem ter já “procedido junto do respetivo serviço de desenvolvimento agrário de ilha ao reporte dos prejuízos ocorridos”.

 

As candidaturas “poderão ser apresentadas até ao dia 28 de fevereiro de 2022”, junto dos serviços de desenvolvimento agrário de cada ilha.

 

Fonte/LUSA

Imagens de notícias

Categorias:
Tags:

Partilhar

Powered by WebTV Solutions