Decorre de 31 de outubro a 3 de novembro: Núcleo Regional dos Açores procura voluntários para Peditório Nacional | VITEC AzoresTV.com - canal regional com produções dos Açores, vídeos HD e diretos dos melhores eventos da região.

Os interessados em participar poderão proceder à inscrição como voluntário na página da LPCC (www.ligacontracancro.pt), seleccionando a Região Açores e preenchendo o formulário aí disponibilizado. Também poderão contactar directamente o NRA, por telefo...

liga, contra, cancro, portugal, açores, peditório

Decorre de 31 de outubro a 3 de novembro: Núcleo Regional dos Açores procura voluntários para Peditório Nacional

Publicado por: Vitec
2014/10/17 19:15:36

O Núcleo Regional dos Açores (NRA) da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) está a promover uma campanha de recrutamento de voluntários para o Peditório Nacional que decorre entre 31 de outubro e 3 de novembro.

Segundo uma nota informativa enviada às redacções, o objectivo central do Peditório é a angariação de fundos para a LPCC, instituição de utilidade pública que está na linha da frente do combate ao cancro em Portugal. A sua missão assenta em quatro pilares: o apoio ao doente oncológico e família; a promoção da educação para a saúde; a prevenção secundária do cancro; e o estímulo à formação e investigação em Oncologia.

 

A LPCC exerce a sua acção em todo o território Nacional através dos seus Núcleos Regionais (Sul, Norte, Centro, Açores e Madeira), cujas sedes se situam, respectivamente, em Lisboa, no Porto, em Coimbra, em Angra do Heroísmo e no Funchal.

Os interessados em participar poderão proceder à inscrição como voluntário na página da LPCC (www.ligacontracancro.pt), seleccionando a Região Açores e preenchendo o formulário aí disponibilizado. Também poderão contactar directamente o NRA, por telefone (295 212 345) ou e-mail (nucleoacores@ligacontracancro.pt), ou deslocar-se à sua sede, localizada na Rua da Rosa, n.º 26, em Angra do Heroísmo.

 

A participação no Peditório pode ser feita à medida da disponibilidade de cada voluntário, podendo ocorrer durante os quatro dias ou apenas num período e local específico.

A LPCC recorda que a efectividade da sua acção depende, por um lado, da existência de voluntários, que intervêm quer na comunidade, como é o caso do Peditório, quer na humanização da assistência ao doente oncológico e, por outro, das contribuições recebidas da sociedade civil, através dos donativos que permitem custear os aspectos materiais de apoio ao doente e o desenvolvimento das iniciativas de promoção da saúde e de prevenção da doença.

Imagens de notícias

Tags:

Partilhar

Powered by WebTV Solutions